21 de janeiro de 2015

Permita-se chorar

"Chorar é diminuir a profundidade da dor." - William Shakespeare

Já que no post anterior eu falei de novo sobre a dor (e vamos deixar claro aqui que eu não sou masoquista :P, só admiro esse talento que poucas pessoas possuem de transformar até a pior coisa que a gente pode sentir em algo bom; porque, querendo ou não, a dor faz parte da vida, certo?), vamos falar agora sobre o método mais simples de diminui-la: chorar. Pelo menos é o que mais funciona pra mim quando eu não estou com cabeça pra sair de casa com meus amigos, ou pra colocar uma música animada e começar a dançar pra distrair os pensamentos. É fácil e dá um alívio muito grande. Claro que não podemos passar a nossa vida chorando sempre que alguma coisa ruim acontece; mas é muito bom pra alma de vez em quando, pois as lágrimas limpam tudo o que está sujo dentro da gente quando não conseguimos mais conviver com essa sujeira. E lembre-se: chorar não é sinal de fraqueza, mas sim de alguém que já foi forte por muito tempo. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário