15 de março de 2015

Nunca mais

"Eu cuido, corro atrás, peço desculpa, me importo. Mas quando eu desisto, meu desapego é pra sempre."

Vou confessar uma coisa pra vocês: poucas coisas na vida são tão boas quanto encontrar com alguém que um dia significou muito pra você e que por isso te causou muita dor quando foi embora... E simplesmente não sentir mais nada. Ok, talvez "nada" seja uma palavra forte demais. Talvez aquela dorzinha que você sentia antes até tenha se manifestado um pouco. Mas foi tão minúscula que nem chegou a ser dor de verdade. E quando isso acontecer, você vai se surpreender. Vai achar estranho, olhar de novo, ver se é isso mesmo. Quase vai olhar pro seu coração e perguntar: não vai bater mais forte? Então, quando nada acontecer, quando aquele famoso desconforto simplesmente não vir, você vai se sentir muito bem. Vai entender que passou. Na verdade, já tinha passado a muito tempo, mas você não tinha percebido; só percebemos quando encontramos com a pessoa e vimos que conseguimos desapegar do sentimento que tinhamos por ela de uma vez por todas. Porque uma hora nosso coração entende que não adianta mais dar murro em ponta de faca: ele acaba deletando o sentimento e seguindo em frente. E eu juro, é uma das melhores coisas do mundo saber que a pessoa que te fez sofrer tanto não pode mais te machucar. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário