2 de abril de 2015

O que eu achei sobre: Cinderella!


Só tenho críticas positivas em relação a esse filme. Antes de mais nada, é romântico. Mas assim: beeeeeeeeeem romântico, estilo Disney e do tipo que faz as meninas ficarem do começo ao fim suspirando e dizendo "oooown!"(incluindo quem vos fala). Depois, por mais que vamos assisti-lo sabendo de cor e salteado o que vai acontecer, a expectativa e o medo de que a história não tenha um final feliz te acompanha do mesmo jeito (ainda bem, porque, na minha opinião, esse é um ingrediente mais que importante para um filme: o desconhecido). Não poderia deixar de destacar a brilhante atuação dos atores:
Lily James: além da beleza indiscutível, ela fez uma Cinderella tão fofa que você tem vontade de adotá-la. Além disso, encarnou toda a pureza e gentileza de uma típica princesa da Disney, inclusive com aquele brilho nos olhos de menina apaixonada.
Richard Madden: Ahhh, o príncipe. O que mais me deixou encantada pela sua atuação foi o fato de ter criado um personagem distinto, com o mesmo brilho nos olhos de Cinderella e a vontade de encontrá-la a qualquer custo, e não apenas ter reproduzido os típicos príncipes dos desenhos clássicos da Disney cujo nome nem sabemos e cuja participação é mínima, só tendo a função de fornecer um final feliz para a princesa. É um príncipe digno de nome, por coragem, paixão e beleza (muuuita beleza, se me permitem dizer).
Cate Blanchett: A madrasta desse filme deu lugar àquela feia e sem expressão do desenho original, criando uma personagem elegante, determinada a conseguir o que quer e, o mais importante, cruel por ter perdido o homem que amava (ou seja, não é má sem um motivo). E ninguém melhor para fazer esse papel do que a já elegante por natureza Cate (minha eterna Galandriel, do Senhor dos Anéis).
Helena Carter: nem preciso dizer que essa mulher se dá bem em qualquer papel que faça, seja a malvada e louca Belatrix Lestrange, seja a bondosa e igualmente maluca Fada Madrinha.
Enfim, se você é fã da Disney assim como eu, não tem como não se apaixonar por essa adaptação mágica e fiel de uma das histórias mais lindas do universo Mickey.

Nenhum comentário:

Postar um comentário