11 de novembro de 2015

Algumas fotos antigas!

Quando eu era pequena, ficava HORAS olhando os álbuns antigos da minha mãe e vendo fotos de quando eu era pequena, ou até mesmo antes, quando meus pais eram só adolescentes. É uma mania que eu tenho até hoje. Adoro ficar imaginando o que se passava na cabeça das pessoas naquele exato momento. Quais eram suas alegrias? Seus medos? E o que eu estava pensando quando não tinha nem um ano de vida? Será que eu de fato pensava em algo concreto? Como será que eu enxergava as coisas? Por que será que eu estava rindo? Ou chorando?

As fotos nos ajudam a desvendar mistérios. Como meus pais eram quando tinham minha idade? O que faziam? O que será que pensavam? E meus avós? Talvez não tenham todas as respostas, mas as fotos despertam nossa imaginação para um mundo que existia antes de nós chegarmos aqui. 

Elas também me mostram uma coisa maravilhosa: o quão boa minha vida é. Minha família sempre me amou: dá para ver no jeito que todos sorriam quando me pegavam no colo. Eu tive muitos momentos simples, mas magicamente incríveis, como a primeira vez que minha mãe me deu banho em uma banheira rosa, meu pai do lado observando e sorrindo. Ou um dos poucos momentos que tive com a minha madrinha. Ou a primeira vez que vários dos meus tios me pegaram no colo. Nada disso tem preço. E só as fotos para me contarem como tudo isso aconteceu, e me lembrarem do amor que sempre recebi. 

Decidi dividir com vocês algumas fotos antigas que tenho guardadas. E convido vocês a explorarem seu passado também, através dos seus álbuns antigos. Sabe, aqueles que estão guardados a muito tempo e ninguém nunca vê? Hora de dar um pouco de atenção para eles, não?


Casamento dos meus avós, há 50 anos atrás. Eles parecem tão felizes...
Minha mãe na esquerda, brincando com as meninas que moravam com ela. Amo fotos espontâneas!
Meu pai empinando um cavalo, doido sim ou claro?
Dia do meu batizado, no colo da minha vovó. Pra onde será que eu estava olhando?
Minha madrinha, e hoje, anjinho da guarda. Eu olhava muito fixamente pra ela, né?

2 comentários:

  1. Que lindo, Ana!
    Quantos momentos preciosos você tem guardados.
    Para mim, esse é o real propósito da fotografia. Eternizar momentos.
    Ao ler o seu texto e mais ainda ao ver as suas fotos, fiquei muito tentada em fazer também. Há algumas semanas achei um álbum de fotos na minha casa que eu ainda não tinha visto. Acho que vou fazer também.
    Volto pra te falar sobre.
    Beijos, suas lembranças são lindas ♥

    Nay

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Nay! Faz isso sim, é uma delícia, juro! Depois me conta, tenho certeza que suas lembranças são lindas e preciosas! <3

      Excluir