1 de março de 2016

Vendendo a arte no Facebook!

Minha paixão por artesanato começou cedo, desde quando minha mãe me levava na Feirinha Hippie no Centro de Convivência de Campinas e eu gastava minha mesada com animaizinhos feitos de bisqui. Depois, passei para as pulseiras e anéis. Hoje, não tenho tanto tempo para ir quanto gostaria, mas sou apaixonada pelos colares de pedra. Amo a maneira como cada peça é feita de uma forma diferente, e é exclusiva para aqueles que compram!

Há um tempo atrás, uma antiga colega de Crisma me convidou para curtir sua página do Facebook, “Chu Biju e Artesanatos”, onde ela vende peças feitas por ela mesma! Pensei comigo: que ideia genial de vender sua arte para quem não tem tempo de ir na feirinha! Decidi, então, entrevistar a Juliana Tortorelli, dona da página, e dividir com vocês essa nossa paixão em comum!

Ju fazendo suas peças! Foto: Arquivo Pessoal
O dom para fazer peças à mão veio de família. “Minha mãe e minha avó, desde que eu me lembro, fazem artesanato de todo tipo, e quando eu era mais nova minha mãe me ensinou a mexer com algumas peças, tecidos, linhas, etc”, conta Juliana. “Eu comecei a fazer as bijus para mim, mas algumas pessoas me perguntaram se eu faria pra vender, então eu comecei!”.

Pulseiras produzidas pela Ju! Foto: Página do Facebook "Chu Biju e Artesanatos". 
Em janeiro desse ano, a página no Facebook “Chu Biju e Artesanatos” foi criada, e Juliana começou a vender mais peças para ajudar com gastos da faculdade. “Criei a pagina pra divulgar mais rapidamente pro pessoal que já me conhece, e pra poder colocar as fotos das peças de forma organizada e de fácil acesso. E, no geral, o retorno está bom, com varias visualizações, mas sei que ainda pode melhorar, já que a pagina é bem recente”, explica Juliana. E como são vendidos os produtos? “Quando alguém pede a peça, geralmente eu verificou o lugar ou pessoas em comum que temos, e podemos marcar um encontro. Ainda não aconteceu de precisar enviar por correio, mas se precisar eu posso mandar”, responde ela.

Foto: Página do Facebook "Chu Biju e Artesanatos". 
 A Ju me contou que o que ela mais gosta no trabalho é escolher os materiais e fazer as combinações! Ela está sempre pesquisando as tendências nas lojas e na internet para ver o que o público gosta de usar. “E também é ótimo ouvir os elogios de quem compra, e ver quando cada cliente se apaixona por algo que eu fiz à mão!”, comemora ela. “Além disso, o que eu mais gosto nos meus artesanatos é a peça final, como eu acabo me apegando a cada uma, a forma como elas saem diferentes das outras, e até diferente do que eu imaginei”, completa.

Foto: Página do Facebook "Chu Biju e Artesanatos". 

Apesar do talento é das lindas peças, Juliana ainda não pretende fazer do artesanato um trabalho grande e fixo. “Por enquanto, eu faço pra poder ajudar no orçamento pessoal, enquanto eu me formo no curso superior que escolhi e que eu realmente quero atuar, que é a psicologia”, explica ela.

Quer conhecer mais do trabalho dela? Clique aqui para acessar a página do Facebook e conhecer mais as peças feitas pela Ju! 

Foto: Arquivo pessoal

Um comentário:

  1. Amei, principalmente a pulseira das relíquias. Também faço bijus para mim e é engraçado porque eu comecei isso por causa de meu pai, quase igual a ela.

    Caroline (Amai Ame)
    ameamai.blogspot.com

    ResponderExcluir