25 de abril de 2016

Foque em você mesmo(a)


Antigamente, eu tinha um vício que me prejudicava mais do que qualquer outro: eu vivia me comparando a outras pessoas e pensando que todas elas eram melhores do que eu. Isso, aliado com as minhas constantes autocríticas, deixava minha autoestima lá embaixo. Não posso dizer que estou completamente “curada”, mas luto com muito mais determinação para acabar com esses pensamentos de uma vez por todas. Porque eu sei que eu valho a pena.

Eu entendi que, quanto mais eu olhasse para a vida alheia, mais eu deixava a minha, a única que realmente importa, de lado. Ao invejar o que era dos outros, eu não valorizava o que eu tinha de mais precioso. Ao querer ser igual a alguém, eu esquecia que ser eu mesma é muito mais maravilhoso. E ao me colocar para baixo, eu não só não me permitia enxergar todas as coisas boas que existem aqui dentro, como dava permissão para que outros fizessem o mesmo.

Hoje, posso dizer que cuido muito melhor de mim mesma. Foco nas minhas paixões, dou meu melhor para tudo o que eu faço, valorizo meus talentos e qualidades e me aceito nas minhas limitações, entendendo que algumas coisas eu nunca serei, ou terei. E tudo bem. Esqueço um pouco os outros e o que eles são, porque isso é problema deles. Hoje, me aceito como ser humana. E, por isso, vivo muito mais em paz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário