29 de julho de 2016

Deixe ir

"Ah, menina, deixe que vá. Quem desvaloriza o seu coração, certamente não merece ficar. Você é profunda demais para essa gente tão rasa". - Laureane Antues

Quem se apega demais sabe o quanto a gente sofre.

Sabe que dói lá no fundo quando alguém que a gente pensava que se importava mostra que isso não é tão verdade assim.
Dói ainda mais quando a gente insiste em gastar nosso carinho com quem não valoriza, mas que a gente tem medo de perder.
Ah, esse medo. Medo de ficar sozinho(a), de não sobrar mais ninguém no mundo para compartilharmos as alegrias e sofrimentos. Medo de deixar ir. 

Mas é disso que precisamos. Para essa sexta-feira, meu desejo: deixe ir. 
Deixe ir quem não te valoriza. 
Deixe ir quem não corresponde seu amor e dedicação.
Deixe ir quem não faz questão da sua presença.
Deixe ir quem te faz sofrer. 
Que todos eles façam boa viagem, afinal, ninguém merece ficar se machucando ao tentar mergulhar em pessoas rasas. 

E quem vai ficar?
Aqueles poucos que sabem valorizar a sua profundidade. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário