2 de maio de 2018

Autocoaching: o que você quer mudar?


Esses momentos são raros, mas, de vez em quando, assistir o Stories do Instagram realmente te acrescenta alguma coisa, ainda mais quando alguém decide compartilhar dicas úteis. Há umas semanas, uma youtuber que eu acompanho disse que decidiu fazer uma lista de coisas que ela gostaria de mudar na vida dela. Desses itens, alguns dependiam de fatores externos, mas outros estavam totalmente nas mãos dela. E, naquele dia em especial, ela estava se sentindo muito bem, pois tinha dado o primeiro passo para promover as mudanças que queria.

Foi aí que eu pensei: é incrível como nós vivemos reclamando de como gostaríamos que as coisas melhorassem para nós e esquecemos que uma simples organização do que poderia ser diferente já é um grande passo nessa direção, pois nos ajuda a visualizar mais claramente porque estamos tão insatisfeitos e o que pode ser feito em relação a isso. Então, porque não montar essa lista e colocar a mão na massa para conquistar a melhora que tanto desejamos? Vamos lá: como todos os processos de autocoaching, o que você precisa é uma caneta ou lápis, um caderno qualquer e um ambiente calmo para a reflexão que esse momento pede. Tente se lembrar de tudo o que não está bom e classifique aquilo que só depende de você. Na hora de começar a colocar em prática as mudanças, lembre-se: o começo nunca é fácil, a preguiça e a falta de vontade podem dominar, mas no fim, vai valer muito a pena. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário